Apresentação: edição 12

 

Ano VI – Edição nº12 – Niterói, Rio de Janeiro, 25 de Abril de 2007.

Em abril de 2007 a Revista Tema Livre (http://www.revistatemalivre.com) completa cinco anos de existência, realizando, ao longo desse período, a sua contribuição, de forma inteiramente gratuita, para a divulgação da história e do historiador. Nesses cinco anos, a revista publicou entrevistas e artigos de historiadores das mais distintas instituições acadêmicas do planeta, bem como apresentou ao seu público diversas matérias relacionadas a locais e eventos relevantes para a história. Além disto, durante esses anos, a Revista Tema Livre foi lida em mais de 80 países nos cinco continentes do globo, alcançando, assim, um alto e crescente número de visitantes, levando-nos, neste ano de 2007, a diversos recordes diários em nossos números de acesso.

Nesta edição, trazemos ao público novos artigos acadêmicos, entrevistas inéditas, exposição virtual de fotografia e, ainda, matérias exclusivas.

Sobre os artigos, temos “A fronteira medieval entre Galicia e Portugal”, de autoria do historiador galego Carlos Barros, professor titular de história medieval da Universidade de Santiago de Compostela, na Espanha. Ressalta-se que este artigo concernente ao periodo medieval na Península Ibérica encontra-se em galego, sendo o primeiro texto publicado pela Revista Tema Livre nesse idioma.

Abandonando a Idade Média ibérica e avançando alguns séculos em direção ao Novo Mundo, temos o artigo “Organização militar, poder local e autoridade nas conquistas: considerações acerca da atuação dos corpos de ordenanças no contexto do Império português” da historiadora e doutoranda pelo PPGHIS da UFRJ Ana Paula Pereira da Costa. Ainda com o corte temporal em épocas da união de Brasil e Portugal temos o artigo “D. João VI, o general Lecor e a criação da Cisplatina” do historiador e mestre em História Social pelo PPGHIS da UFRJ Fábio Ferreira.

Também referentes a relevantes fatos históricos ocorridos no sul do Brasil temos um artigo sobre o Rio Grande do Sul, “As fugas de escravos da província de São Pedro para o além-fronteira”, de Silmei de Sant’Ana Petiz, professor do curso de História do Centro Universitário Unilasalle e doutorando pela Unisinos, e “Tortuosos caminhos da ‘invenção de si’: política, nacionalismo cultural e estrangeiros no Brasil” referente à Santa Catarina do período de Vargas, texto que tem como autores os professores doutores da Unisul Neide Almeida Fiori e Eduardo Búrigo de Carvalho. Ainda analisando questões contemporâneas à Era Vargas, temos “As referências ao comunismo no início dos anos 30 no Diário de Notícias.” do historiador Cristiano Cruz Alves, mestrando em história pela Universidade Federal da Bahia.

Sobre os entrevistados desta edição, temos os historiadores Aníbal Bragança (Universidade Federal Fluminense – UFF), Heloísa Paulo (CEIS-20/Universidade de Coimbra) e Luís Reis Torgal (CEIS-20/Universidade de Coimbra). Ainda referente a Portugal, na seção fotos, continuamos com a exposição virtual “Imagens de Portugal”, que, nesta edição, apresenta Lisboa.

Em função dos 200 anos da chegada da família real portuguesa ao Brasil, advento que será comemorado ao longo do próximo ano, 2008, a Revista Tema Livre inicia, nesta edição de abril de 2007, uma série de matérias que mostram o vestígio dos tempos de D. João VI no Rio de Janeiro atual, sendo que a primeira matéria é dedicada ao Paço Imperial.

Por fim, o evento que a revista apresenta nesta edição é a cobertura do VII Encontro Internacional da ANPHLAC (Associação Nacional de Pesquisadores de História Latino-americana e Caribenha), maior evento de pesquisadores de história da América que já ocorreu até então, e que teve como palco a cidade de Campinas, em São Paulo.

Assim, em abril de 2007, a Revista Tema Livre completa os seus cinco primeiros anos no ar, anos que fazem parte de uma futura longa existência de contribuição à história, à cultura e ao conhecimento cientifico. É, ainda, importante nesta data agradecermos, em primeiro lugar, ao único e verdadeiro Deus e, em seguida, a todos os pesquisadores, que, amigavelmente, concederam entrevistas, enviaram seus artigos, abriram os seus eventos e instituições à Revista Tema Livre e aos nossos leitores. Também é de fundamental importância registrar nestas linhas os nossos sinceros agradecimentos aos nossos visitantes, que, nesses cinco anos, têm lido a Revista Tema Livre nos cinco continentes do globo.

Voltar à Edição nº12